6 de setembro de 2013

Acho glamuroso acreditar ....e fazer!

Muitas pessoas me perguntam como são criadas minhas peças....E eu não sei responder ! Já me vi numa saia justa sendo perguntada pelo cronista de um jornal de onde vem o glamour da minha inspiração e ...realmente não sei responder!
Crio a partir do que vivo...se estou bem tudo me parece fonte de inspiração ! Reparo em tudo o que os meus olhos conseguem captar...no desenho da calçada do caminho da minha casa até o trabalho, do desenho que foi usado no canteiro de flores de uma praça, de uma última edição da Vogue que traz aquela estampa que está em todas as vitrines...

E foi assim que surgiu a coleção GANG DO ASFALTO.
Recolhi asfalto quente que estava sendo despejado na Via del Vino de Bento Gonçalves por ocasião das reformas que duraram uma eternidade e as quais eu via todos os dias. Perguntei para o motorista do caminhão se podia pegar um pouco de asfalto para fazer joias...ele riu muito e depois disse que já tinha visto de tudo,,,mas nunca tinha visto colocar asfalto em joias , mas que eu ficasse a vontade...
Subi no caminhão e recolhi um pote bem cheio.....
Do pote para a joia foi um tapa ! Fiz alguns testes para que o asfalto ficasse resistente como uma rua e...Voalá ! Deu certo....
O que eu não imaginava....é que aquele asfalto que o motorista se matou de tanto rir quando recolhi... fosse parar na novela da Globo, mais precisamente no dedo indicador da atriz Tainá Muller...

E então? Nem um pouco glamuroso pensar que a minha inspiração veio de cima de um caminhão de asfalto, não é? ....mas acho glamuroso acreditar e fazer ! Acreditei que o asfalto era lindo, que ia combinar bem com a prata, acreditei que podia transformar ele em algo de valor, e acreditei que ele era muito lindo a ponto de estar na Globo !