22 de janeiro de 2014

Bon Vivant

As pessoas que não me conhecem na intimidade acham que eu sou uma Bon Vivant.

Nunca gostei deste estereótipo pois desde cedo me achava uma vítima do sistema que tinha que trabalhar de sol a sol para conquistar sustento e prazeres.
Nunca recebi pensão alimentícia para meu filho e por muitos anos trabalhei 3 turnos. Com anos de trabalho conquistei muita coisa...e chegou um dia quando não precisei mais me privar de qualquer prazer que eu desejasse.

E pasmem...não fiquei feliz!

Minha palavra do momento é temperança ! Não quero aproveitar menos a vida, mas quero aproveitá-la melhor, com mais qualidade...
Estou em busca da medida justa....
sem excessos e sem faltas !


Bon vivant?
SIMMMM, porque não?


P.S. Na foto....apesar do baldinho estar bem cheio eu degustei somente um copo , e estava uma delícia!